7 plantas para conhecer e ter em casa

593

As plantas e flores transformam qualquer ambiente. Por isso, cada vez mais, os brasileiros tendem a investir em diferentes espécies para florir suas casas. De acordo com o Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor), alguns produtores chegaram a registrar aumento de até 20% nos negócios desse setor neste ano.

A florista parceira da Flores Online, Juana Martinez, separou uma série com cuidados para 7 espécies que são ótimas para ter em casa ou em seu jardim. Veja a seguir e escolha a melhor para você:

Suculenta Rosa de Pedra

7 plantas para conhecer e ter em casa - Suculenta Rosa de PedraA suculenta Rosa de pedra ou Echeverría tem um formato semelhante ao de uma rosa tradicional, com coloração meio rosada, o que faz com que a planta seja ainda mais chamativa. Ela gosta de luz do sol, porém apenas uma parte do dia. O ideal é que ela receba luz direta apenas de manhã ou fim da tarde quando a luz é mais amena. Quanto mais luminosidade puder ser fornecida, mais compactas serão suas rosetas e melhor será seu desenvolvimento. O maior inimigo dos cactos e suculentas é o excesso de água.

Begônia Beleaf

7 plantas para conhecer e ter em casa - begoniaPlanta tropical, aprecia lugares úmidos, porém, nunca a encharque ou poderão surgir fungos. Mantenha-a em lugares aquecidos e com um pouco de iluminação solar, abrigadas de vento. O solo deve ser mantido úmido, regando 1 vez por dia em lugares com clima quente ou quando necessário. Lesmas, caracóis e besouros podem atacar sua begônia, por isso fique atento a marcas de mordidas nas folhas. A catação manual desses bichinhos é suficiente para manter a sua planta linda e saudável.

Planta Armadilha de Vênus

7 plantas para conhecer e ter em casa - Planta Armadilha de VenusDeve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra, em substrato preparado à base de musgo, levemente ácido e mantido constantemente úmido. A Vênus não deve ser plantada em terra e nem necessita adubação, que pode facilmente intoxicá-la. Jamais alimente-a com pedacinhos de carne ou insetos mortos, deixe que ela mesmo consiga suas presas. Você pode ajudá-la colocando uma fruta próximo à planta, como uma banana ou maçã. Não se preocupe se ela não caçar nada, ela não depende da caça para viver. A água das regas deve ser livre de sais minerais ou cloro. Elas toleram encharcamentos, mas jamais períodos secos.

Mangifera Indica

7 plantas para conhecer e ter em casa - mangiferaA manga é uma das mais importantes frutas tropicais. Deve ser cultivada sob sol pleno, em solo fértil, profundo e irrigado a intervalos periódicos. Rústica, pode ser, no entanto, cultivada em solos pobres, com menor produtividade, mas dependente de irrigação. Planta tipicamente tropical, a mangueira não tolera o frio excessivo, ventos ou geadas. Multiplica-se por sementes.

Peperômia

7 plantas para conhecer e ter em casa - peperoneaA peperômia é uma planta muito fácil de cuidar, perfeita para jardineiros iniciantes. De modo geral, não toleram luminosidade excessiva ou exposição solar direta. Não exagere nas regas com ela. O excesso de água pode acabar apodrecendo as raízes.

Palmeira azul

7 plantas para conhecer e ter em casa - palmeiraazulA Palmeira azul — Bismarckia nobilis, pertence à família Arecaceae, nativa de Madagascar, perene, até 12 metros de altura e muito ornamental. É altamente tolerante ao calor intenso, onde seu crescimento é mais rápido e sua coloração é mais intensa e suporta o inverno de até 10°C. Pode ser cultivada a pleno sol. As regas devem ser regulares, mantendo o solo levemente úmido, mas não encharcado. Esta espécie é sensível à queima de raízes por fertilizantes. Pouco tolerante a transplantes depois de adulta. Pode ser cultivada em ambiente interno, em vaso apropriado e com muita luminosidade.

Madressilva

7 plantas para conhecer e ter em casa - MadressilvaA Madressilva — Lonicera japonica é uma trepadeira volúvel, pertence à família Caprifoliaceae, nativa da Ásia, Japão oriental e Coreia, perene, muito vigorosa, podendo chegar até 9 metros de altura e muito ornamental.
Possui flores brancas e amarelas de tamanho grande, muito perfumadas. Surgem na primavera-verão e são muito visitadas por beija-flores. Cultivada sob sol pleno e tolera a meia sombra, porém se desenvolve melhor com a raiz na sombra. O solo deve ser fértil, rico em matéria orgânica, enriquecido com farinha de osso, bem drenado e com regas regulares.